Grupo 7: Cães de parar

O grupo 7 da Federação Cinológica Internacional (FCI) inclui algumas bem antigas e bem conhecidas raças europeias de cães de caça. Originalmente, os cães de parar eram criados para desempenho de tarefas nas caçadas – a principal consistia em avisar os caçadores, apontando logo que detetassem presas. Ler mais

Encontre o seu cão

As características mais importantes

O meu cão deveria ser

Aparência

Tamanho
MiniPequenoMédioGrandeGigante
Pelo
Sem pelo / HipoalergénicoPelo curtoPelo comprido
Cor
PretoVermelho / Castanho-claroAzul / CinzentoCastanho / Cinzento / ChocolateCremeBrancoAmarelo-torradoDourado / Amarelo
Padrão
BicolorTricolorMármoreTuxedoArlequim / PintalgadoMalhado / Listrado / SalpicadoTabbySableSaddle / Blanket

Grupo FCI

11 min

Caniche

O seu ar elegante e orgulhoso é bastante cativante e assim muitas pessoas escolhem um Caniche para companheiro.
10 min

Epagneul Breton

O Epagneul Breton é um excelente caçador. Originários da França, os cães desta raça são os preferidos pelos caçadores franceses.

Famosos são o Braco, o Setter irlândes e o Braco húngaro de pelo curto. Todas as raças que fazem parte das secções 1 (cães de parar continentais) e 2 (cães de parar britânicos) são relativas a cães de trabalho. Se pretende adotar um destes cães como animal doméstico é aconselhável que seja um dono já experiente, pois estes animais sempre foram criados especificamente para a caça, apresentando um instinto bastante apurado. Deste modo, precisam de reconhecer no dono um verdadeiro líder. Adicionalmente, são animais que precisam de ser estimulados física e intelectualmente. Em suma: os cães de parar não são de todo indicados para principiantes e apenas devem ser mantidos se tiverem à sua disposição espaço suficiente.

O Braco húngaro de pelo curto e o Pointer inglês são duas das raças mais antigas do grupo 7 da FCI

O Magyar Vizsla, isto é, o Braco húngaro de pelo curto é, como o nome indica, uma raça húngara de aponte. É essencial nunca esquecer que estes animais nunca deixarão de ser cães de caça, pelo que requerem cuidados especiais. Estes cães só ladram quando veem a presa, sendo super profissionais e focados no desempenho das suas tarefas. Apesar disso, o Braco húngaro de pelo curto pode ser um fantástico cão de família, apreciando a companhia das crianças – mas nada é gratuito. Tratando-se de verdadeiros cães de trabalho, é imprescindível oferecer-lhes educação e treino baseados em dois princípios: consistência e competência. Deste modo, os seus sentidos vigilantes, o seu notável empenho e a sua inteligência acima da média são orientados na direção certa.

O Pointer inglês é um tradicional cão de caça e pode ser descrito como o protótipo do cão de parar. São animais muito elegantes, fortes e de porte médio. Os seus traços físicos são sóbrios, sem exageros. O pelo é firme, denso e curto, além de brilhante e direito. Relativamente à pelagem, são numerosas as cores aceites. Em termos de temperamento, é essencial não esquecer que se trata de um cão de caça – isto apesar de serem animais apreciados por não caçadores, pois são amigáveis, cativam pela elegância e demonstram uma enorme capacidade de aprendizagem. Mantê-los como cães domésticos não é assim tão complicado – lembre-se que lhes deve proporcionar desafios em número suficiente, como substitutos da caça. É fundamental que o dono o acompanhe nas atividades e que saiba liderar.