O meu gato espirra: causas e tratamento This article is verified by a vet

O meu gato espirra: existem várias causas para o espirrar dos gatos, a maioria é inofensiva

Também os gatos espirram de vez em quando

Tal como as pessoas, também os gatos espirram de vez em quando. No entanto, contrariamente às pessoas, os gatos raramente ficam constipados. Leia o nosso artigo e descubra porque é que o seu gato espirra e em que situações é aconselhável ir com ele ao veterinário.

Porque é que o meu gato espirra?

Em primeiro lugar o espirro é um reflexo involuntário e inofensivo do corpo, cujo objetivo é limpar o nariz. O espirrar resulta da estimulação de recetores da mucosa nasal através de vários elementos, como pólen, etc. Assim, se o seu gato espirra de vez em quando, é muito provável que não tenha nenhum problema de saúde. É preciso sublinhar que os narizes dos gatos são muito sensíveis e que a sua capacidade olfativa é muito superior à das pessoas: enquanto nós temos entre 20 e 30 milhões de células olfativas, os gatos têm 60 milhões.

Assim, é fácil compreender que os gatos espirrem quando estão em locais com cheiros fortes como perfumes ou quando os donos usam produtos de limpeza em casa. Além disso, o ar seco em salas aquecidas ou o pó, frequentemente causam espirros aos nossos pequenos felinos.

Doenças que provocam espirros nos gatos

Se o seu gato espirrar com frequência e apresentar outros sintomas, então a situação já exige atenção e cuidados médicos. Entre as doenças que causam espirros estão:

  • Gripe dos gatos: esta é uma doença causada por diversos vírus e bactérias. Os sintomas dependem do agente que infetou o animal. Por exemplo, se o seu gato estiver com gripe pode apresentar mal-estar generalizado, febre, olhos inflamados e até bronquite e inflamação pulmonar.
  • Constipação: os gatos também podem apanhar uma constipação, especialmente quando o tempo está frio. Geralmente os sintomas são leves e os gatos conseguem curar-se sem ser preciso medicação.
  • Alergias: tal como as pessoas, muitos gatos têm alergias. Nesses casos o sistema imunitário reage de forma exagerada a elementos inofensivos que existem no meio ambiente, como por exemplo pó ou pólen das flores. Se o seu gato espirra frequentemente é provável que tenha alguma alergia.
  • Corpos estranhos: Por exemplo, as folhinhas pontiagudas da relva gostam muito de entrar nos narizes dos nossos pequenos felinos. A irritação provocada pelas folhinhas leva o gato a espirrar repetidamente para as tentar expulsar.
  • Tumores: uma causa possível dos espirros é também o aparecimento de tumores na zona nasal. Estes tumores podem ser benignos ou malignos e geralmente vêm acompanhados por secreção nasal unilateral, ou seja, só da narina onde está o tumor.

O meu gato espirra. Devo ir com ele ao veterinário?

Como mencionado acima, se o seu pequeno felino espirra ocasionalmente não há razão para se preocupar. No entanto, se o gato espirra com frequência há algum tempo e apresenta outros sintomas, é a altura de visitar o veterinário.

Se o espirrar frequente aparece associado com os seguintes sintomas é provável que o gato tenha algum problema físico:

  • Febre, mal-estar generalizado
  • Falta de apetite e perda de peso
  • Corrimento nasal ou ocular
  • Dificuldades respiratórias ou ruídos ao respirar

Para fazer o diagnóstico, em primeiro lugar o veterinário recolhe informação sobre os hábitos do gato assim como sobre os sintomas. Segue-se então o exame físico após o qual o veterinário já consegue eliminar algumas causas. No entanto, para conseguir fazer o diagnóstico final é geralmente necessário fazer outros exames. Por exemplo, para saber se se há um corpo estranho ou um tumor geralmente o veterinário prescreve exames como raio X, endoscopia ou ecografia.

Qual o prognóstico para os espirros dos gatos?

O espirrar ocasional ou leve não é grave e geralmente desaparece por si. No entanto, se o espirrar for um sintoma de uma doença, a evolução do estado de saúde do gato depende muito da própria doença. Por exemplo, se o seu pequeno felino espirra porque tem um tumor ou gripe do gato, o prognóstico não é muito bom visto que ambas doenças podem ser fatais.

Como posso evitar que o meu gato espirre?

Uma vez que é normal os gatos espirrarem de vez em quando, não é preciso tomar medidas preventivas. Por outro lado, não é possível prevenir o aparecimento da maioria das doenças que causam espirros frequentes.

A única, mas importante exceção é a gripe dos gatos pois existem vacinas contra os agentes que causam esta doença. Apesar de a vacina não evitar completamente a infeção, um gato que apanhe gripe dos gatos e esteja vacinado apresenta sintomas muito leves ou nenhuns.

Os nossos artigos mais relevantes
4 min

A idade dos gatos

Descubra neste artigo como determinar a idade dos gatos, quantos anos vive um gato, e com que idade é que um gato se torna idoso?