Araras

Para serem felizes as araras precisam de um companheiro, além de muito espaço e carinho.

A colorida plumagem das araras torna estes pássaros inconfundíveis e fascinantes. Além disso, as araras são conhecidas pela sua personalidade marcada e algo exigente. Neste artigo damos várias dicas para manter as suas araras felizes e saudáveis.

Qual o aspeto das araras?

Além das penas de cores vivas, as araras têm uma característica distintiva: a pele quase nua na face onde apenas se encontram algumas penas de tamanho muito pequeno. O bico destas aves é geralmente preto ou branco e tem uma forma curva. Além disso, o bico é extremamente forte, o que se justifica pelos hábitos alimentares destes pássaros. As patas das araras são cinzentas-escuro e a cauda é longa e farta com penas em camadas.

No entanto existem vários géneros de araras que por vezes têm características muito diferentes, como por exemplo, a cor das penas e o tamanho.

A arara-escarlate e a arara-azul-e-amarela podem atingir até 90 centímetros de altura e pesar até 1.5 quilos. Por outro lado, a arara-severa, cujas penas são maioritariamente verdes é claramente menor. Estas araras medem cerca de 50 centímetros e pesam pouco mais de 300 gramas.

Como identificar os machos e fêmeas?

Se conseguimos identificar as diferentes espécies de araras com alguma facilidade, já saber se estamos perante um macho ou uma fêmea é um problema sério. Nalgumas espécies, os dois sexos podem apresentar pequenas diferenças no tamanho ou na constituição corporal. No entanto, para ter a certeza é necessário fazer uma análise de ADN ou um exame endoscópico.

As cores das penas das araras são impressionantes
Coloridas e da mesma família: uma arara-azul-e-amarela à esquerda e uma arara-escarlate à direita.

A personalidade das araras

As araras são pássaros animados, barulhentos e amorosos. Além disso são muito curiosos e inteligentes. No entanto, estes pássaros não são tão dotados para a linguagem oral como o papagaio-cinzento. Ainda assim, as araras não têm qualquer problema em chamar a atenção dos seus donos a qualquer hora do dia com as suas vocalizações características. Aliás o nome arara é uma onomatopeia e tem origem nestas vocalizações.

No entanto as araras são pássaros que gostam muito de mimos. Por isso, assim que conquistar a confiança do seu pássaro colorido vai poder tocar e aproximar-se dele sem problemas. Na verdade, estes pássaros podem mesmo demonstrar uns ciúmes dos donos.

Qual o espaço que as araras precisam

As várias espécies de araras precisam de muito espaço, que naturalmente deve ser proporcional ao seu tamanho. É importante sublinhar que estas aves precisam de mais de um metro para abrir as suas asas. Assim, estes pássaros devem ter um espaço próprio, como por exemplo um viveiro para pássaros e devem ter também espaço para voar. As gaiolas só devem ser utilizadas para transporte.

Um viveiro onde viva apenas uma arara com um comprimento máximo de 60 centímetros deve ter 4 x 2 x 2 metros de comprimento, largura e altura. As araras maiores precisam de um viveiro maior com pelo menos 6 x 3 x 2,5 metros. Além disso, as araras precisam de um abrigo fechado para se poderem recolher. Naturalmente o tamanho do viveiro deve ser ajustado em função do número de aves.

Como referido acima, estes pássaros são bastante sociáveis e por isso não devem viver sozinhos. Assim, deve ter pelo menos um par de araras. No entanto, estas aves não devem viver com outras espécies, visto que o tamanho e bico forte das araras são intimidantes e potencialmente perigosos para pássaros menores.

Ar, luz e temperatura

Se decidir colocar o viveiro das suas araras ao ar livre deve dar-lhes acesso a uma zona protegida ou aquecida. Não se esqueça que as araras são originárias das zonas tropicais. Assim, estas aves estão habituadas a temperaturas elevadas e não se dão bem com temperaturas mais baixas, ou seja, temperaturas inferiores a 12 graus. Por fim, as araras também precisam de níveis de humidade elevada, cerca de 60%.

Estas aves também precisam de várias horas de luz solar por dia. Por isso se viver num local com os dias muito pequenos no inverno pode compensar a falta de sol com luz ultravioleta. Também pode deixar uma luz de presença durante algumas horas da noite.

Lista de acessórios para araras felizes:

  • As araras gostam muito de brinquedos para papagaios. Estes brinquedos não só mantem estas inteligentes aves ocupadas, como também contribuem para o seu equilíbrio emocional.
  • Os bicos das araras também precisam de cuidados. Assim por exemplo ponha à disposição das suas aves ramos de árvore para elas mordiscarem e que possam segurar facilmente com as patas.
  • Coloque o comedouro e bebedouro num local que as araras alcancem facilmente. Além disso, ambos devem estar sempre limpos.
  • Estimule as suas araras a moverem-se com baloiços e acessórios de escalada.
  • Um chuveiro faz as delícias das araras. Pode usar um aspersor ou um borrifador para dar banhos mornos às suas aves.
  • Como revestimento do chão do viveiro use areia de papagaio ou feno.

Quer acessórios para as suas araras que cheguem a sua casa sem esforço? Visite a loja online zooplus para pássaros!

As araras são aves sociais que devem viver com pelo menos um companheiro
As araras são exigentes para com os donos. Elas precisam de muito espaço e companhia para serem felizes.

A alimentação dos pássaros coloridos

Em estado selvagem as araras comiam fruta, sementes, ervas ou bagas. Assim, a alimentação diária das araras que vivem em cativeiro inclui fruta e legumes frescos. De vez em quando pode dar um miminho às suas coloridas aves e dar-lhe alguns frutos de casca dura, como por exemplo nozes. O bico forte destas aves é a ferramenta perfeita para abrir estes frutos.

Ajuste sempre a alimentação das araras em termos de ingredientes e quantidade ao seu nível de atividade e saúde. Além da comida para papagaios, as araras devem ter sempre água fresca à disposição.

Como garantir uma vida longa às suas araras

Tal como os gatos, também as araras não dão pistas claras quando estão doentes. Assim, é importante estar bem informado sobre as doenças mais comuns das aves como aspergilose, pistacose ou febre dos papagaios, doença de Pacheco e a PBFD – doença do bico e das penas. Se detetar algum sintoma destas doenças consulte o seu veterinário. Naturalmente se a doença for tratada precocemente o tratamento é mais simples e provoca menos sofrimento ao seu pássaro.

Qual a esperança média de vida destes pássaros?

Se a sua arara tiver uma alimentação adequada e um companheiro ela pode viver 40 ou 50 anos. No entanto, algumas destas aves chegaram aos 90 anos. Assim, a esperança de vida destes pássaros é um aspeto que deve sempre ter em consideração se pretende ter um na sua família.

Cuidados a ter quando for adquirir a sua arara

Depois de ponderar os prós e contras decidiu que um casal de araras é a solução perfeita para a sua família. Então o primeiro passo é procurar um criador sério de araras. Os criadores conhecem bem os seus pássaros e por isso podem dar informações cruciais aos futuros donos. O criador também o vai informar sobre possível legislação relacionada com as araras no seu país ou região.

O preço destas aves varia de acordo com a espécie, assim pode esperar valores entre os 700 e 2.500 euros.

Pode também visitar associações de proteção dos animais. Por vezes estes pássaros são recolhidos por estas associações onde esperam por uma nova família. No entanto, tenha em atenção o estado de saúde das aves, pois as araras nem sempre chegam a estas associações nas melhores condições. Lembre-se que as doenças nas aves podem ser difíceis de tratar e por isso uma ave doente precisa de um dono experiente.

Ainda não decidiu qual a melhor ave para a sua casa? Então leia os nossos artigos sobre as várias espécies de aves.

Qual a origem destes pássaros coloridos?

As araras fazem parte da ordem Psitaciformes que também inclui os papagaios. Originalmente as araras viviam em regiões de clima quentes, nomeadamente nas florestas da América Central e do Sul. Ainda hoje encontram-se muitos exemplares destas aves nas florestas tropicais.

Infelizmente estas aves em estado selvagem correm perigo. Por um lado são ameaçadas por caçadores, por outro lado pela destruição do seu habitat natural. Para preservar a vida das araras em estado selvagem, o seu comércio internacional foi proibido. Assim, se realmente gosta destas fantásticas aves deve procurar um criador sério e reconhecido e não contribuir para o comércio ilegal.

Características gerais das araras

Nome: Arara
Tamanho: até 90 centímetros
Esperança de vida: Em média 40 ou 50 anos. Por vezes as araras podem viver 90 anos.
Vivência: pelo menos em par
Socialização com outras aves: não aconselhável
Viveiro: para um par, o viviero deve ter pelo menos com uma dimensão de 4 x 2 x 2 metros mais o abrigo
Comida: Fruta, legumes, sementes, bagas, ervas, frutos secos e minerais
Dificuldade dos cuidados: exigente

Os nossos artigos mais relevantes
4 min

Caturra

As caturras procuram o contacto com animais da mesma espécie e se isso não for possível ligam-se aos humanos e exigem atenção a 100%.
6 min

Canário

Os canários são conhecidos por serem aves que cuidam de si mesmos desde que lhes sejam oferecidos os meios necessários.
13 min

Periquitos

Atualmente estes pássaros com penas coloridas são dos mais populares na Europa. Aqui encontra informações sobre a sua origem e criação, assim como dicas sobre como cuidar deles.