Suplementos alimentares para gatos

O meu gato precisa de suplementos alimentares?

As latas de comida para gato contêm tudo o que um gatinho precisa para o seu bem-estar, certo? O termo "alimento completo" significa que os animais vêem as suas necessidades para uma vida saudável satisfeitas pela adição de vitaminas e minerais. A idade, constituição e possíveis doenças explicam a necessidade que alguns gatos têm de suplementos alimentares. Felizmente, são inúmeros os suplementos alimentares disponíveis para gatos! Assim, os donos podem facilmente suplementar a dieta do seu patudo. Este pequeno guia acerca vai ajudá-lo a encontrar a combinação nutricional certa!

Para uma vida saudável, os gatos precisam de uma mistura de vitaminas e nutrientes. Comecemos pelas primeiras.

Vitaminas

  • Vitamina A: os olhos, a pele e o pelo dos patudos precisam de vitamina A. Isto é, a sua carência pode conduzir a doenças oculares e a problemas de pele de todos os tipos. Porém, o excesso de vitamina A é também nocivo. Está associado a alterações ósseas e a distúrbios do crescimento. Um gato adulto com 3 kg precisa de 300 UI (unidade internacional) diárias de vitamina A.
  • Vitamina D: apoia intestinos, ossos, rins, glândulas mamárias e útero. Além disso, regula o equilíbrio cálcio-fosfato. Quando em excesso, pode dar-se a calcificação das paredes vasculares. Por outro lado, a sua deficiência conduz a raquitismo. A carência de vitamina D é comum nos gatos de interior. Os gatos de exterior, pelo contrário, têm a capacidade de a sintetizar a partir da vitamina D3, com a exposição à luz solar.
  • Vitamina E: tal como a vitamina A, a vitamina E é lipossolúvel. Esta vitamina protege as gorduras e lípidos presentes no organismo de ataques dos radicais livres. Ou seja, é antioxidante. Um gato adulto requer cerca de 2 mg de vitamina E por dia. Porém, gatas em gestação e gatinhos precisam de maior quantidade.
  • Vitamina C: pode ser produzida pelo animal. No entanto, é insuficiente, pelo que deve ser suplementada através da alimentação. 100 a 300 mg de vitamina C dão suporte ao sistema imunitário. Além disso, são especialmente importantes em situações de stress, doença e velhice.

Suplementos alimentares para gatos: minerais

Além das vitaminas, também os minerais têm um papel fundamental na dieta dos gatos e não devem ser esquecidos.

  • Os minerais são nutrientes que existem como iões ou como compostos inorgânicos. São essenciais para o organismos dos gatos. A sua deficiência pode levar a sérios problemas de saúde.
  • O rácio cálcio-fósforo adequado na comida para gatos é bastante importante. Para um metabolismo ósseo ótimo, deve estar situado entre 1,2 a 1.
  • Sódio, cloro e potássio coordenam o equilíbrio hídrico do organismo do gato e a absorção de nutrientes.

Aminoácidos essenciais

Mas os nutrientes importantes para os gatos não se ficam por aqui! Por exemplo, o seu organismo não consegue produzir os designados "aminoácidos essenciais". No entanto, os aminoácidos essenciais devem ser fornecidos através da comida, pois são necessários para os processos metabólicos. Destacamos a taurina, aminoácido essencial responsável pelas ligações neuronais e que regula o batimento cardíaco.

Uma overdose é impossível, pois o excesso de taurina é eliminado de imediato. A carência pode provocar cegueira, perturbar o sistema imunitário e levar à rigidez do músculo cardíaco. A dose diária recomendada de taurina é de 100 a 200 mg. Deste modo, a comida pronta é muitas vezes suplementada com taurina.

Mas não se preocupe: a comida para gato de qualidade contêm, regra geral, uma elevada percentagem de minerais e vitaminas. Especialmente, se for apresentada como alimento completo. Em resumo: a dieta de um gato adulto e saudável não tem que ser necessariamente suplementada.

O seu gatinho tem necessidades especiais ou prefere jogar pelo seguro? Navegue na secção da nossa loja online: suplementos alimentares para gatos!

Os nossos artigos mais relevantes