Camaleão do Iémen

Detalhe da cabeça do camaleão do Iémen

Ter um colorido camaleão do Iémen no terrário é uma excelente forma de se iniciar no fascinante mundo dos camaleões, já que estes animais são muito fáceis de cuidar. Leia o nosso artigo e descubra as diversas características destes camaleões que os tornam muito especiais.

Aspeto: o que distingue o camaleão do Iémen?

O camaleão do Iémen, também conhecido por camaleão velado, é um réptil particularmente colorido. A sua cor base é o verde-claro, interrompido por listas amareladas transversais. No entanto, eles podem apresentar um espectro vasto de cores, como azul, branco, preto ou laranja. As fêmeas tendem a ser menos coloridas e apresentar, principalmente, tons de verde a castanho.

A mudança de cores da pele dos camaleões não tem como função principal camuflar o animal, visto que é antes mais nada uma forma de comunicação. Assim, por exemplo, os machos alteram as cores para se tornarem mais agressivos aos olhos de outros animais. Além disso, sendo animais de sangue-frio, estes répteis têm uma cor mais escura quando ainda não atingiram a temperatura corporal desejada.

Diferenças entre camaleões machos e fêmeas

Esta espécie de camaleões distingue-se das outras quer pela diversidade e intensidade das cores, quer pela protuberância em forma de crista na cabeça. No entato, nos machos esta protuberância é particularmente impressionante podendo atingir até 8 centímetros de altura. Além disso, os machos costumam ter um esporão na zona dos calcanhares. Os machos e as fêmeas também se diferenciam pelo tamanho, já que os machos são significativamente maiores do que as fêmeas.

Quando é que os camaleões do Iémen atingem a idade adulta?

Com um corpo com até 60 centímetros de comprimento, o camaleão velado é um dos maiores do mundo, sendo ultrapassado pelo camaleão malgaxe gigante (Furcifer oustaleti), que pode chegar aos 80 centímetros. O camaleão do Iémen torna-se adulto quando tem cerca de 1 ano.

Cuidados com o camaleão do Iémen

Pode-se dizer que o camaleão do Iémen é um réptil fácil de cuidar. No entanto, não é propriamente um companheiro para iniciantes, visto que ele tem várias exigências no que se refere às características e organização do terrário. Contudo, uma vez passada a fase inicial de adaptação, a vida com o seu camaleão será simples e terá a possibilidade de se divertir muito a observar os comportamentos deste fascinante animal.

Temperatura e humidade do terrário

Os Chamaeleo calyptratus sentem-se no seu melhor quando a temperatura do terrário é de aproximadamente 28 graus durante o dia e de 20 graus durante a noite. Além disso, durante o dia, o terrário deve ter uma zona a sol, onde a temperatura atinga cerca de 35 graus.

O dia de um camaleão dura à volta de 13 horas, por isso deve instalar lâmpadas fluorescentes para terrários. Dessa forma garante que o seu camaleão recebe radiação UV suficiente. Por fim, a humidade dentro do terrário deve ser de 70%. Consegue atingir este limite facilmente, pulverizando o terrário com água duas vezes ao dia.

O camaleão do Iémen hiberna?

Em estado selvagem, os camaleões velados hibernam dois meses no inverno. Em cativeiro, estes animais devem ter também a possibilidade de hibernar, de forma a manterem-se saudáveis. Assim, quando chegar o inverno ajuste a temperatura do terrário para aproximadamente 20 graus durante o dia e entre 12 e 16 graus durante a noite. Reduza também o tempo de luz para 10 a 11 horas e a lâmpada de radiação não deve ficar acesa mais de 1 ou 2 horas por dia. Inicie as alterações para a hibernação entre novembro e março e mantenha-as por cerca de 2 meses, ou seja, por exemplo, desde o início de dezembro até ao final de janeiro ou início de fevereiro.

Camaleão do Iémen num terrário em cima de plantas
O camaleão do Iémen precisa de ter no terrário locais para se esconder e outros para trepar.

Qual o melhor terrário?

Antes de levar o seu novo amigo para casa, pense bem se quer comprar ou fazer o seu próprio terrário. Um terrário feito por si tem a vantagem de decidir as dimensões do mesmo de acordo com o espaço que tem em casa e também de o fazer ao seu gosto.

Se escolher comprar um terrário, existem muitas alternativas, por exemplo, terrários de madeira, plástico ou vidro. No entanto, com um terrário já pronto não tem tantas possibilidades para dar asas à sua imaginação. Além disso, estes terrários geralmente não têm muitas áreas de ventilação e, por isso, é aconselhável optar por um que tenha cobertura de rede. O terrário deve ter também uma área de ventilação, que ocupe cerca de dois terços da parede lateral.

Em relação às dimensões, um bom terrário para um camaleão velado adulto deve ter 1,0 de largura x 0,75 metros de profundidade x 1,5 metros de altura. Por fim, apenas uma das laterais deve ter vista desimpedida, de forma a dar ao camaleão a privacidade que ele precisa para se sentir confortável.

Como faz parte do comportamento natural dos camaleões esconder-se e escalar, deve ter no terrário ramos, estruturas em pedra e plantas de diferentes espessuras e tamanhos. Não se esqueça de colocar também pedras planas ou plataformas de madeira para o seu companheiro se deitar e apanhar sol. Por fim, no que se refere ao revestimento do chão do terrário, coloque uma mistura de areia e terra, que permite manter a humidade interna a níveis elevados.

Está à procura de novos habitantes para o seu terrário? Na secção Espécies de répteis encontra diversos artigos onde apresentamos as principais características de animais de terrário.

Plantas para o terrário do camaleão do Iémen

É sempre uma boa ideia colocar plantas verdadeiras no seu terrário. Além de tornarem o espaço do seu camaleão mais bonito, as plantas também ajudam a manter a humidade no ar elevada. Plantas como fetos, ficus benjamina, suculentas ou bromélias

Alimentação do camaleão do Iémen

Como todos os camaleões, também o camaleão velado alimenta-se principalmente de animais vivos, ricos em proteínas. Assim, dê ao seu companheiro insetos vivos, como grilos e gafanhotos. No entanto, um camaleão adulto não deve comer mais do que 4 insetos a cada dois ou três dias. Pode complementar a dieta do seu réptil com fruta ou plantas como dentes-de-leão ou suculentas, mas em doses moderadas.

Vitaminas e minerais

Como a comida viva não costuma ser rica em vitaminas e minerais, deve dar também suplementos alimentares ao seu camaleão ricos em vitamina D e minerais. Existem suplementos em pó que pode simplesmente espalhar por cima da comida viva antes de a dar ao seu companheiro.

Em estado selvagem, os camaleões bebem água em gotas de orvalho ou da chuva. Assim, coloque no terrário uma goteira ou dê-lhe água diretamente através de uma pipeta. Lembre-se que os camaleões não bebem água de recipientes.

O comportamento do camaleão do Iémen

A maioria dos camaleões são animais sensíveis que podem ter problemas de adaptação ao terrário. A boa notícia é que o camaleão velado vive bem num terrário, e é por esta razão que estes animais se tornaram muito populares.

Em termos de comportamento social, estes camaleões são extremamente solitários, vivendo a maior parte da vida completamente sozinhos. Assim, mantenha o seu companheiro sozinho no terrário. Além disso, o seu camaleão não deve ter contato visual com outros camaleões ou animais de estimação, que ele encara como potenciais inimigos. Quando se sentem ameaçados, os camaleões apresentam comportamentos específicos, como assobiar alto.

Outras características típicas dos camaleões

Os camaleões velados têm duas características físicas importantes: a cauda longa e as patas. A causa longa funciona como um quinto membro, que se enrola nos ramos permitindo aos camaleões subirem às árvores com muita segurança. As patas fortes e a disposição dos dedos também são essenciais para a estes répteis movimentarem-se. É por isto que estes animais são excelentes trepadores, comportamento que também pode observar no terrário com o equipamento adequado.

Os olhos do camaleão do Iémen são também muito característicos, visto que são giratórios e movem-se de forma independente, o que lhes permite identificar presas com maior precisão. A língua longa é também essencial para apanhar as presas no ar.

Origem do camaleão do Iémen

O camaleão velado habita no sul da península arábica, uma área bastante vasta e diversificada, o que evidencia a grande capacidade de adaptação destes animais ao meio ambiente. Assim, estes camaleões tanto vivem em zonas altas com pouca vegetação, como em regiões montanhosas mais húmidas e verdes, escolhendo sempre viver em árvores ou arbustos.

Bilhete de identidade

  • Nome científico: Chamaeleo calyptratus
  • Família: Chamaeleoninae
  • Origem: Iémen e Arábia Saudita
  • Tamanho do corpo: machos: entre 35 e 60 centímetros; fêmeas: entre 20 e 45 centímetros
  • Peso: até 2 quilos
  • Esperança de vida: até 7 anos
  • Comportamento social: territoriais, solitários
  • Tamanho do terrário: 1,0 de largura x 0,75 metros de profundidade x 1,5 metros de altura
  • Necessidades especiais: terrário muito bem ventilado, hibernação
  • Temperatura no verão: 26 a 28 graus (dia), 16 a 20 graus (noite)
  • Temperatura no inverno: 18 a 20 graus (dia), 12 a 14 graus (noite)
  • Humidade do ar: 60 a 70 por cento
  • Cobertura do chão: terra
  • Alternativas para escalar e plantas fortes
  • Alimentação: comida viva (insetos)
  • Grau de dificuldade: avançado
  • Cuidados de manutenção reduzidos
Os nossos artigos mais relevantes
11 min

Camaleões

Que terrário tem de comprar, o que comem os camaleões, que cuidados deve ter, como manter o terrário de forma a que o camaleão esteja saudável...
11 min

Gecko Leopardo

Descubra mais sobre o comportamento e cuidados a ter com os Gecko Leopardo assim como informações sobre as características que o seu terrário deve ter.
10 min

Dragão Barbudo

O Dragão Barbudo é um réptil muito popular pois com alguma paciência estes répteis podem ser domesticados e tornarem-se mesmo bastante dóceis.