Comida monoproteica para gatos

Raras não são as vezes em que lemos ou ouvimos falar sobre comida monoproteica, ou com uma única fonte de proteína, para gatos. No entanto, o que significa este termo? E será que uma alimentação à base de comida monoproteica é útil para os gatos ou trata-se apenas de uma moda passageira?

O que é comida monoproteica para gatos?

O termo monoproteína diz respeito a uma variedade de carne, como “carne de vaca”, por exemplo. Um alimento monoproteico contém somente um tipo de carne ou, por outras palavras, apenas uma fonte de proteína. Encontram-se disponíveis no mercado produtos compostos exclusivamente por uma única fonte de proteína, isto é, pura carne, como “pura carne de vaca”. Além disso, estes produtos podem ainda conter outros ingredientes, como hidratos de carbono ou vegetais – e tanto este tipo como o anterior se encaixam no conceito de alimentos monoproteicos.

monoprotein katzenfutter

Por que motivos pode a comida monoproteica ser útil para os gatos?

Naturalmente, tal como acontece connosco, humanos, também os gatos podem sofrer de alergias ou intolerâncias alimentares. Essas reações ocorrem especificamente em relação  a determinadas proteínas (tanto de origem animal, como vegetal) ou a combinações entre proteína e outras substâncias nos alimentos. De modo a serem evitadas estas reações, o recomendável é optar por alimentos compostos por um número de ingredientes controlável. Quanto menos ingredientes tiver um alimento, incluindo proteínas, menos serão as probabilidades de se dar uma reação alérgica. Assim sendo, dar ao seu gato comida monoproteica é fundamental para o diagnóstico de qualquer alergia ou intolerância alimentar. Numa dieta de exclusão, um tipo de carne desconhecido para o gato deve ser-lhe oferecido por um período de tempo. Além disto, após o diagnóstico de alergia alimentar, os produtos monoproteicos podem continuar a fazer parte das refeições, desde que os ingredientes sejam mantidos debaixo de olho, com o objetivo de se evitarem novas reações alérgicas. Para que os gatos continuem a deliciar-se com as suas guloseimas, mesmo sofrendo de alguma intolerância ou tolerando apenas determinados tipos de carne, estão disponíveis nas lojas inúmeros snacks em versão monoproteica.

 

Para os donos é também importante oferecer aos seus animais alimentos monoproteicos premium, sendo então necessário avaliar a qualidade de cada um dos ingredientes, tarefa mais simples para estes casos. Este tipo de comida é melhor tolerada pelos gatos, já que a ingestão de um único tipo de carne por refeição se aproxima do comportamento alimentar natural desta espécie. Uma dieta variada pode ser assegurada com a disponibilização de diferentes variedades monoproteicas.

Em resumo

Nem todos os gatos têm necessidade de uma alimentação monoproteica. Encontram-se atualmente no mercado bastantes produtos alimentares à base de um único tipo de carne, e que não só têm qualidade, como são apropriados às exigências dos gatos. Para que os animais se mantenham saudáveis, as opções são inúmeras, entre variedades monoproteicas e mistas. Uma dieta monoproteica é especialmente benéfica para gatos sensíveis e alérgicos. E o facto de este tipo de alimentos ser composto por um número pequeno e gerenciável de ingredientes em muito contribui para a transparência e para a segurança dos donos.

Os nossos artigos mais relevantes