Alimentação para gatinhos

Em colaboração com Royal Canin

Os gatinhos, tal como os cachorros, apresentam necessidades nutricionais específicas, indispensáveis para um crescimento saudável. Tais requisitos estão naturalmente dependentes da raça, da idade e do temperamento do animal. Os rufias precisam de ingerir mais calorias do que os gatinhos mais pachorrentos. E ainda que a imagem nos enterneça, os gatinhos não devem engordar: as costelas devem sempre poder apalpar-se através do pelo e a linha da cintura deve ser visível. Para se certificar que os gatinhos têm as suas necessidades energéticas satisfeitas durante este período de intenso crescimento, a seleção da comida certa é de enorme importância.

Comida para gatinhos: qual o momento certo?

Assim que a produção de leite da mãe gata começa a diminuir (entre três a quatro semanas depois do parto), o gatinho deve ser lentamente habituado à sua nova alimentação. A partir do 3.º mês, os animais só devem ingerir comida especificamente para gatinhos. Para se acostumarem à comida sólida, devem começar por ingerir pequenas porções; caso a comida não seja aceite, pode, de forma a estimular a aceitação, acrescentar uma parte de leite de substituição. Porém, a quantidade de leite de substituição deve ser diminuída rapidamente, evitando que o animal ingira calorias em excesso.

katzenbaby ernährung

10.ª-12.ª semanas

As primeiras semanas de existência do gatinho correspondem à fase de imprinting do animal à sua alimentação e, assim sendo, a oferta deve ser tão variada quanto possível, incluindo ração, comida húmida e também comida caseira. Se, por motivos de saúde, for necessário um ajuste nutricional, a mudança será mais fácil, já que o gatinho não está apenas habituado somente a um tipo de comida. Os animais mais jovens requerem a ingestão de mais vitaminas e minerais – nada que comida de qualidade premium não consiga satisfazer!

Até ao 4.º mês

Durante este período, o tipo de alimentação deve ser adaptado à anatomia do gatinho: o aparelho digestivo ainda não está totalmente desenvolvido, mas a fome é muita. Deste modo, a solução passa por dividir as refeições em doses mais pequenas ao longo do dia. As horas das refeições devem ser mantidas. Por natureza, os hábitos alimentares dos gatos incluem a ingestão de 20 pequenas refeições diárias – mesmo durante a noite. É aconselhável disponibilizar ao animal alguma comida antes de se ir deitar, para que este possa “petiscar” durante a noite.

Do 4.º ao 6.º mês

A partir do 4.º mês, a dieta pode já ser adaptada às características de alimentação dos gatos, isto é, à ingestão de várias pequenas refeições diárias (10 a 20). Como animais noturnos, é comum também comerem durante a noite. O truque é oferecer-lhes comida tantas vezes quanto possível mas sem excessos. Três refeições principais são o mínimo, incluindo uma noturna. Se ração for disponibilizada, é importante ter cuidado para que as necessidades energéticas diárias não sejam excedidas, já que este tipo de comida é significativamente mais calórico do que o alimento húmido.

 

A partir do 7.º mês

Ao sétimo mês, num regime alimentar misto a comida húmida pode ser distribuída em duas refeições principais – pela manhã e ao final do dia. Com o objetivo de satisfazer a necessidade das inúmeras pequenas refeições ao longo do dia, pode ser disponibilizada ração como snack, desde que se atente ao número de calorias máximo diário.

royal canin kitten trockenfutter

Royal Canin Kitten

  • Para gatinhos até aos 12 meses
  • Reforça o sistema imunitário
  • Contribui para uma digestão saudável
  • Croquetes adaptados no tamanho
süss kitten
Royal Canin Kitten in Soße

Royal Canin Kitten em molho

  • Para gatinhos na 2.ª fase de crescimento (dos 4 aos 12 meses)
  • Apoia o sistema imunitário
  • Fácil de mastigar
  • Instintivamente preferido

Os líquidos

Ao ingerirem comida húmida, os gatinhos estão a beber líquidos. Ainda assim, disponibilize sempre água fresca e em quantidade ilimitada.

O leite, por outro lado, embora inicialmente bem tolerado pelos gatinhos, deixa, em muitos casos, de o ser – muitos animais reagem mal ao elevado teor de açúcar, causando-lhes diarreia. Como suplemento alimentar, ofereça uma variedade de leite com percentagem reduzida de lactose.

Descubra a nossa loja para gatinhos onde pode encontrar tudo o que precisa para o seu patudo e leia mais artigos com dicas sobre gatinhos na seção gatinhos da nossa magazine. 

Os nossos artigos mais relevantes