Cortar as unhas dos gatos

Escrito por Bärbel Edel

Este gato deixa cortar as unhas tranquilamente

Tal como as unhas das pessoas, as dos gatos também crescem continuamente. E os gatos de casa ou os mais velhos muitas vezes acabam por ter as unhas demasiado compridas, o que pode trazer consequências desagradáveis. Neste artigo explicamos como cortar as unhas dos gatos de forma correta e simples.

As unhas dos gatos: uma maravilha da natureza

As garras dos gatos são ferramentas universais, ajudam a trepar, a apanhar as presas, como defesa contra agressores e claro, a aliviar as comichões.

Além disso, os gatos são dos poucos animais têm unhas retrateis, ou seja, os gatos contraem ou estendem as suas unhas de acordo com a necessidade. Isto é possível porque os gatos têm um tendão flexor digital que se contrai ou estica com enorme rapidez.

Nas patas dianteiras os gatos têm 5 dedos com unhas, mas o polegar não tem contato com o solo. Já nas patas traseiras os gatos não apresentam polegar e portanto, têm apenas 4 unhas.

Qual a importância de cortar as unhas dos gatos?

Como os gatos têm as unhas contraídas quando andam ou correm eles acabam por não as usar muito. Ainda assim, as unhas dos gatos crescem de forma continua tal como as nossas e por isso devem ser cortadas regularmente.

Muitos gatos conseguem aparar as unhas sozinhos. Por exemplo, os gatos que saem à rua sozinhos afiam as unhas nos troncos das árvores. Por outro lado, os gatos de casa usam o arranhador. Infelizmente às vezes também usam o sofá para esse fim, visto que os arranhadores não costumam resolver completamente o problema. Os gatos mais velhos ou doentes também têm dificuldades em aparar as suas unhas de forma natural e por isso precisam de ajuda dos donos.

Problemas causados pelas unhas compridas

As unhas compridas num gato podem ser perigosas e mesmo causar ferimentos:

  • Os gatos podem-se pendurar em cortinados ou em decorações em tecido penduradas e acabar com uma unha arrancada.
  • Eles podem magoar-se quando estão a fazer a sua higiene ou quando se coçam.
  • As unhas podem crescer para dentro das almofadas das patas e assim desenvolver inflamações dolorosas.
  • Os gatos com unhas compridas sentem dificuldade em movimentar-se, o que tem um impacto negativo no aparelho motor.
  • As unhas podem partir-se ou lascar e crescerem tortas.
Pata de um gato com a unha presa no cortinado. Cortar as unhas dos gatos é importante para eles não se magoarem
Se tiver as unhas demasiado compridas, o gato pode acabar por se enrolar nos cortinados.

Quando cortar as unhas dos gatos?

Como pode saber se as unhas do seu gato estão demasiado compridas e precisam de ser aparadas?

Um dos principais sinais é o barulho, ou seja, se ouve as unhas do seu gato a bater no chão quando ele anda é porque chegou a altura de ir à pedicure.

Outro sinal são mudanças de comportamento. Se o seu gato de repente deixa de se passear pela casa é possível que ele tenha as unhas longas. No entanto, o método mais seguro é inspecionar regularmente as patinhas do seu pequeno felino.

Cortar as unhas dos gatos corretamente

Preparar-se para cortar as unhas é já meio caminho andado para que corra tudo bem. Assim, planeie onde vai cortar as unhas ao seu gato e pense bem em todos os instrumentos que precisa.

Neste ponto damos uma ajuda, para cortar as unhas dos gatos os donos precisam de:

  • Tesoura ou corta-unhas
  • Algodão e lápis hemostático em caso de necessidade
  • Guloseimas como recompensa

Para tornar o processo mais fácil peça ajuda a outra pessoa. Cortar as unhas dos gatos a dois é muito mais fácil, especialmente se o seu pequeno felino não for fã deste procedimento.

Ter paciência é a melhor estratégia

Antes de iniciar os procedimentos crie um ambiente calmo e relaxado à volta do seu gato para que ele não sinta medo. Se o gato estiver com fome, stressado ou com vontade de brincar o melhor é adiar o tratamento das unhas para mais tarde.

Instrumentos para cortar as unhas dos gatos

Para tratar das unhas do seu gato precisa das ferramentas corretas. Nunca use uma tesoura grande, pois se o seu pequeno felino se mexer inesperadamente ambos podem magoar-se gravemente.

Os corta-unhas que usamos também não são a melhor ferramenta para cortar as unhas dos gatos, visto que as podem estilhaçar. Assim, o instrumento mais indicado são os corta-unhas especiais para animais, que têm uma reentrância redonda onde deve entrar a ponta da unha.

As tesouras para gatos ou pequenos animais também são adequadas. A diferença para as tesouras normais é o formato das laminas que permitem cortar as unhas dos gatos sem as estilhaçar.

Independentemente de escolher uma tesoura ou um corta-unhas, o importante é que o instrumento seja suficientemente afiado para não esmagar as unhas ao cortar.

Na loja online zooplus encontra tesouras adequadas para cortar as unhas dos gatos.

Vamos cortar as unhas ao seu gato

Com duas pessoas esta tarefa torna-se mais simples. Enquanto uma pessoa segura o gato para evitar que ele se mexa, a outra trata das unhas.

Para manter o gato quieto e sob controle sente-se no chão e coloque-o entre as pernas. Segure-o de forma a que a cauda fique virada para si. Dessa forma o caminho de retaguarda fica bloqueado. Em seguida a outra pessoa deve pegar cuidadosamente na pata do gato e pressionar levemente a ponta dos dedos para que a unha se distenda. É então a altura de cortar as unhas. Não se esqueça de cortar as unhas dos polegares nas patas da frente.

Cuidados ao cortar as unhas dos gatos

No interior das unhas dos gatos encontram-se terminações nervosas e vasos sanguíneos. Nas unhas claras ou transparentes é fácil identificar esta zona, que tem uma cor rosada e que não vai até à ponta das unhas. A parte que deve cortar é a sem cor.

No entanto tenha cuidado e em caso de dúvida é melhor cortar menos do que mais. Caso contrário ao cortar pode provocar uma hemorragia. Além disso, é importante sublinhar que as terminações nervosas e os vasos sanguíneos crescem em conjunto com as unhas e por isso quanto maior for a unha, mais longa é a zona rosada.

Quando o gato tem unhas escuras identificar a zona a cortar não é tão simples. Tente colocar a unha na contraluz com um candeeiro. Dessa forma pode conseguir distinguir a parte que deve cortar. Se não for o caso, fale com o seu veterinário para saber a melhor forma de cortar as unhas ao seu gato.

O que fazer em caso de sangramento?

Se apesar de todos os cuidados atingir um vaso sanguíneo, pode estancar o sangramento com algodão ou uma toalha. Também pode usar um lápis hemostático para travar a hemorragia.

Se o sangramento não parar em cerca de 5 minutos, deve levar o seu gato ao veterinário.

Não se esqueça da recompensa!

Depois de cortar as unhas ao seu gato não se esqueça de o recompensar com uma guloseima. Além disso, elogie-o pela sua coragem.

Com que frequência devo cortar as unhas dos gatos?

Cortar as unhas dos gatos uma vez a cada dois meses geralmente é o suficiente. Os gatos que saem à rua sozinhos geralmente não precisam da ajuda dos donos para manter as unhas no tamanho certo.

Gatos que não gostam de cortar as unhas

Nem todos os gatos deixam os donos cortar as unhas. Nesses casos não segure o seu gato com mais força. Além disso se ele começar a mexer-se muito ou se se mostrar agressivo deixe-o ir, pois se insistir pode magoar-se ou magoar o gato.

Se não conseguir aparar as unhas o melhor é deixar que seja o veterinário a tratar do assunto. É um procedimento comum e que não é muito caro.

Com o tempo pode também experimentar usar um clicker para treinar o seu gato a deixar que lhe corte as unhas.

Os nossos artigos mais relevantes