7 razões pelas quais os cães nos tornam mais felizes

7 razões pelas quais os cães nos tornam mais felizes

7 razões pelas quais os cães nos tornam mais felizes

Uma vida sem o seu fiel companheiro de quatro patas – é algo que nenhum dono consegue imaginar, pois os cães estão sempre ao nosso lado e são, como é bem sabido, o melhor amigo do Homem.  Facto é que os cães nos dão apoio em imensas áreas da nossa vida – muitas vezes sem darmos conta. Descubra 7 razões pelas quais os cães nos tornam mais felizes.

1. Os cães reduzem os níveis de stress

À pergunta 'O seu cão é bom para si?' só há uma resposta – e é sempre muito positiva! Além disso, trata-se de uma sensação cientificamente comprovada. Investigadores norte-americanos realizaram estudos que atestam que os cães reduzem os níveis de stress dos seus donos. Dar mimos a estes animais é sinónimo da libertação das hormonas da felicidade, e, em simultâneo, a produção de hormonas associadas ao stress diminui.

A equipa de investigadores encarregue deste estudo focou-se num grupo exposto diariamente a elevados níveis de stress, corretores de bolsa solteiros. E a verdade é que a presença dos cães surtiu efeitos positivos nestes indivíduos! Foram monitorizados sintomas de stress típicos, como hipertensão, ritmo cardíaco acelerado e aumento da transpiração. Os indivíduos com cães, objeto do estudo, reagiram de forma bastante mais calma a situações de stress. De resto, a presença de cães nos locais de trabalho tem o mesmo efeito: os níveis de stress dos funcionários baixam, além de os animais terem uma influência positiva nas rotinas de escritório – e tudo isto também evidenciado por diversos estudos.

2. Os cães são bons para o coração

Quando stressados, a nossa tensão arterial sobe. A hipertensão constante ou frequente está associada ao desenvolvimento de doenças cardiovasculares. E dado que os cães têm um impacto positivo nos nossos níveis de stress, o risco de doença é, assim, reduzido. Os passeios diários com os nossos fiéis companheiros têm um efeito especialmente positivo no nosso sistema cardiovascular e contribuem para o nosso bem-estar geral.

3. Os cães reduzem o risco de alergias nas crianças

Muito comum entre os pais é o receio de que os cães afetem negativamente os seus rebentos. Mas o que se passa é exatamente o contrário! Vários estudos têm demonstrado que crianças criadas na companhia de cães apresentam um risco reduzido de desenvolverem alergias. Vale a pena frisar que estas conclusões apenas se aplicam se não existir na família predisposição genética para as alergias.

Saiba mais:

Partilhar o mesmo espaço com um cão tem imensas vantagens para as crianças. Por exemplo – os cães têm um impacto positivo no desenvolvimento da personalidade das crianças, pois aprendem mais rapidamente a assumir responsabilidades e desenvolvem  melhores competências sociais. Os cães podem mesmo intervir a nível da aprendizagem das crianças! Existem cães especialmente treinados para apoiar crianças com dificuldades de leitura: as crianças lêem para os animais e estes, além de não as criticarem, transmitem-lhes segurança.

hund mit mädchen

4. Os cães mantêm-nos em forma

A falta de exercício e o consequente excesso de peso são dois fatores que aumentam o risco do aparecimento de diversas doenças. Mas os cães mantêm-nos em forma! Seja porque precisam de fazer as suas necessidades ou porque precisam de atividade. Para tal, necessitam automaticamente da companhia do dono – e os longos passeios e as brincadeiras ajudam os donos a manter-se em forma. Os efeitos positivos no peso e na saúde são notórios. Já para não falar do ar fresco que fortalece o sistema imunitário.

5. Os cães ajudam a estabelecer relações

Não há como desmentir – os cães ajudam a estabelecer relações, pois os donos iniciam rapidamente conversas uns com os outros. Facto é que os interesses em comum são mais do que evidentes. No caso particular dos idosos, os passeios diários com os animais constituem o único contacto com o mundo exterior. É então certo que os cães nos protegem do isolamento social.

6. Os cães facilitam o quotidiano das pessoas com limitações

Os cães de assistência ou de reabilitação são especialmente treinados para viverem com pessoas com limitações físicas e também psicológicas e auxiliá-las no dia a dia. Os cães de assistência mais conhecidos são os cães-guia, e estes orientam os invisuais e são excelentes apoios no seu quotidiano. Também os cães-ouvinte e os cães que detetam ataques de epilepsia se contam entre os nossos queridos ajudantes caninos.

7. Os cães salvam vidas

Existem ainda cães que desempenham tarefas especiais de assistência, por exemplo os que auxiliam pessoas com problemas de saúde que podem ter consequências fatais. Por exemplo, existem cães de assistência para pacientes com diabetes que reagem e avisam os donos antes de os níveis de açúcar no sangue se situarem acima ou abaixo do desejável.

Também especialmente treinados são os cães de resgate. O faro apurado destes animais permite-lhes procurar em áreas extensas num curto espaço de tempo. Os cães de resgate trabalham por temporadas e são usados, por exemplo, em situações de pessoas desaparecidas em consequência de avalanches, terramotos ou naufrágios.

Descubra a nossa seleção de comida e acessórios para cães na nossa loja zooplus!

Os nossos artigos mais relevantes